Curta Irradiando Luz no Facebook  Siga Irradiando Luz no Twitter  Acesse o canal do Irradiando Luz no YouTube  Assine o Feed RSS do Irradiando Luz

[Sustentabilidade] Consumo Consciente

O consumismo desenfreado está se alastrando pelo mundo e degradando o meio ambiente. Muitas pessoas buscam sua satisfação comprando roupas novas, computadores, telefones celulares, etc, sem se preocupar com os impactos sociais e ambientais. Você já deve ter percebido, à essa altura, que este comportamento é insustentável. Sustentabilidade significa também mudança dos padrões de consumo, sem perder qualidade de vida. O consumo – quer de produtos, serviços ou recursos naturais – tem impactos ambientais e sociais. O consumidor tem um extraordinário poder em suas mãos se considerar esses impactos no ato de compra, uso ou descarte de tais produtos ou serviços. Atualmente, o ser humano foi relegado ao papel de consumidor. O consumo consciente, neste contexto, é a maior arma que o cidadão comum possui para ajudar na cura do planeta sem se sacrificar ou mudar de vida radicalmente. É o primeiro passo na direção de uma vida sustentável. Consumo Consciente não significa que você não pode fazer comprar ou consumir. No entanto, você pode adquirir produtos que tenham uma vida mais longa ou que sejam de fácil conserto. Você pode, por exemplo, fechar a torneira ao escovar os dentes; cada vez que sete pessoas escovam os dentes com a torneira fechada, economizam 122 litros de água tratada, o suficiente para atender as necessidades diárias de uma criança. Ou evitar jogar pilhas e baterias no lixo comum, já que isso significa riscos à saúde quando estes produtos chegam aos aterros sanitários, poluem o solo e, em seguida, as águas. Ou ainda, preferir empresas que têm o selo Amiga da Criança, dado pela Fundação Abrinq, por exemplo, como uma forma de combater o trabalho infantil no Brasil. Necessidade X Consumismo A grande questão é discernir as suas reais necessidades para viver uma vida saudável, buscando um padrão de consumo compatível com as capacidades do planeta. Este é um trabaho individual, de auto-conehcimento: olhar para sua própria vida e identificar o que é realmente necessário e o que é supérfluo. Uma tarefa dificílima em uma sociedade que incentiva o consumismo exagerado e desenfreado. Apesar de ser um exercício que deve ser feito por cada um, existem maneiras de ajudar neste processo. A WWF – World Wildlife Fund, organização internacional que luta pela conservação da vida selvagem no planeta, pode te ajudar com a pegada ecológica, uma estimativa que mostra até que ponto a nossa forma de viver está de acordo com a capacidade do planeta de oferecer, renovar seus recursos naturais e absorver os resíduos que geramos por muitos e muitos anos. E você, tem alguma dica sustentável? O que você faz pelo planeta? Como está sua pegada ecológica? Será que não é hora de reavaliar seu padrão de consumo? Espiritualidade e auto-conhecimento devem se materializar em transformações na realidade concreta! AXÉ!

5 respostas para “[Sustentabilidade] Consumo Consciente”

  1. Rosana Oshiro disse:

    Muito bom o post Gabriel!
    Twittei! =D
    Abraço fraterno!

  2. Grande post. Tem muitas dicas que precisam de ser lembradas. Eu tento reduzir o meu impacto no ambiente, mas com uma lista assim é mais facil. Uma dica que eu fiz cá em casa foi meter uma garrafa de água de litro e meio dentro do autoclismo. Desta forma gasto apenas meio depósito de água de cada vez que vou á casa de banho. No final do ano dá uma poupança significativa.

  3. All3X disse:

    Gabriel, muito bom deixar aqui expressas algumas dicas simples que podem ser tomadas por qualquer um e que muito podem contribuir para a sustentabilidade no consumo diário. Tento, sempre ao máximo, tomar minhas decisões e fazer atitudes as mais corretas o possível, pois não devemos parar de consumir, mas apenas mudar os hábitos.
    Valeu,
    All3X

  4. Gabriel Dread disse:

    @Rosana: que saudades suas! Fazia tempo que não aparecia por estas bandas… que bom que gostou! Qual seu twitter?

    @Luciana: Volte sempre…

    @Crédito pessoal: me empresta uma grana? huahauua… brincadeira… Interessante essa sua dica… gostei! Eu, por minha vez, não faço xixi no vaso, apenas no mato… pelo menos quando estou aqui em casa, que tem espaço de sobra…

    @All3x meu I-rmão: eu acredito que um dia deixaremos de ser homo sapiens consumus e a partir daí, nosso ativismo não será mais via consumo… Afinal, hoje em dia, é simplesmente impossível parar de consumir!

    AXÉ
    Gabi Dread

Deixe uma resposta para All3X Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assinar por email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações na sua caixa de entrada.

 

Irradiando Luz é sustentado por seus leitores

Doe Irradiando Luz
Ajude a manter o Irradiando Luz.

Com apenas R$ 1, você já pode apoiar o nosso portal a continuar existindo e espalhando boas notícias e dicas práticas sobre ecovilas e a transição pessoal e global.

Artigos Recentes

12 Anos Irradiando Luz
Osho e centenas de seguidores
Caos Guia 002 COP24 e Bolsonaro
Caos Guia 001 Copa do Mundo da Sobrevivencia
Arte e Guerrilha
Festival Burning Man
Dia de Doar logo
Black Friday
Alberto Guerreiro Ramos capa A Nova Ciência das Organizações tomando chimarrão
Feriado e férias do trabalho são essenciais
Curso online Como morar numa Ecovila!
Aldeia Ecovila Coletivo de Famílias
Quero Morar numa Ecovila!
Gestao de Conflitos em Ecovilas
Mandato Coletivo da Bancada Ativista (PSOL) foi eleito deputado estadual em SP!
Ocupação Beatriz Nascimento do MTST Sergipe
Coxinhas e mortadelas se amando
MST Movimento Sem Terra
MST e a Reforma Agraria
Família Irradiando Luz
Êxodo! Webnário
Congresso Nacional e o Legislativo
Como votam os anarquistas
Curso Exodo Sao Paulo
Categorias

Arquivo do Blog

TEDx Genebra com Gabriel Siqueira

Let's include Conflicts in our plans! | Gabriel Siqueira | TEDxGeneva

Estar em um relacionamento significa que vamos vivenciar conflitos mais cedo ou mais tarde. Ao invés de negar, evitar ou tentar gerenciar os conflitos depois que eles aparecem, tensões podem ser parte do ecossistema de relações que construímos diariamente na nossa vida social e profissional. Assista o vídeo: Vamos incluir os conflitos nos nossos planos! TEDxGenebra | Gabriel 'Dread' Siqueira