Curta Irradiando Luz no Facebook  Siga Irradiando Luz no Twitter  Acesse o canal do Irradiando Luz no YouTube  Assine o Feed RSS do Irradiando Luz

O Tempo

Relógio Medieval
Tentativa medieval de medir o imensurável

O Tempo
por Gabriel Dread

Tecido, trama
Emaranhado fuso-horário
Teia da vida
Areia que se esvai

Verde vida natural
Vim te ver viver
Onde e quando
Não há tempo

O Tempo
por Mario Quintana

O despertador é um objeto abjeto.
Nele mora o Tempo. O Tempo não pode viver sem nós,
       [para não parar.
E todas as manhãs nos chama freneticamente como
       [um velho paralítico a tocar a campainha atroz.
Nós
É que vamos empurrando, dia a dia, sua cadeira de
       [rodas.
Nós, os seus escravos.
Só os poetas
os amantes
os bêbados
podem fugir
por instantes
ao Velho… Mas que raiva impotente dá no Velho
quando encontra crianças a brincar de roda
e não há outro jeito senão desviar delas a sua cadeira
       [de rodas!
Porque elas, simplesmente, o ignoram…

Le Temps detruit tout” [O Tempo destrói tudo!]

(por Gaspar Noé, no filme Irréversible

O Tempo
por autor desconhecido

O Tempo perguntou pro Tempo
Quanto Tempo o Tempo tem
O Tempo respondeu pro Tempo
Que o Tempo tem tanto Tempo
Quanto Tempo o Tempo tem.

O Tempo é o tema do Tertúlia Virtual de Fevereiro. Clique aqui e participe também. (ainda dá tempo!)

Outras visões sobre O Tempo:

1. Eduardo P.L
2. no VÍ tá
3. DROPS AZUL ANISS
4. Jorge C. Reis
5. Christi
6. huga katia
7. Ruben Valle Santos
8. Serena
9. Paulinhaaa
10. Leaves of Grass (1)
11. Leaves of Grass (2)
12. chicoelho
13. João Mené res
14. Ery Roberto
15. RICARDO BLAUTH
16. Maria Augusta
17. Antó nio P.
18. James Emanuel
19. Ariane Rodrigues
20. FRANCINE ESQUEDA
21. expresso da linha
22. Luciana costa
23. conceição duarte
24. Francisco Castelo Branco
25. Dalva
26. Flor
27. R. Vinicius
28. Zezé
29. Georgia Aegerter
30. josé movilha
31. Luís Bento
32. Fernanda
33. Ana Paula Motta
34. Gaspar de Jesus
35. Dulciné ia
36. Vanessa
37. Chris
38. roserouge
39. Alice Salles
40. Ramiro Conceiçã o
41. Antó nio Oliveira
42. Lunna Guedes
43. Libertè
44. Iê da
45. angel
46. de- olhar
47. Lizete Vicari
48. eduardo santos
49. Natasha Dias
50. Julieta Barbosa
51. Luciana
52. Clotilde Moreira
53. C.
54. El Perro Verde
55. renata cordeiro
56. maria antunes
57. flavina
58. al kantara
59. marialynce
60. peri s.c.
61. KAY (ESTAÇÃO ABSTRACTA)
62. Luciana
63. Elma Carneiro
64. Claire
65. Rafael Silva
66. flavina
67. Adelino
68. Jon
69. Cris
70. O Lopes
71. Isabel Magalhã es
72. eelleenn
73. givani
74. Denise cruz
75. Daniel Aegerter
76. Valdeir
77. Patricia Rocha
78. Rodrigo Gomes
79. Leituras – Sonia Mascaro
80. silvares
81. silvana
82. Erika Martins
83. Luma Rosa
84. Amanda Proetti
85. sô dona
86. Anny
87. Gleidston
88. Maria de Fá tima
89. Fada
90. Fernando zanforlin
91. Divã do Masini
92. Elza
93. Claudia Gonç alves
94. Esther
95. Mauro Rocha
96. Ale Montanha
97. Dani Almeida

Dica de Luma Rosa
Foto: Medieval Clock, por Mateusz Stachowski (Mattox)

10 respostas para “O Tempo”

  1. Eduardo P.L disse:

    Gabriel,

    obrigado por participar e dar esse destaque em sua postagem, com todos os links da TERTULIA VIRTUAL.
    Dia 15 de Março tem outra. Dia 1º anunciaremos o NOVO TEMA e dia 14 abriremos as inscrições! Esperamos que participe.

    Forte abraço

  2. Olá Gabriel,
    Lindo o seu poema sobre O Tempo!
    Gostei de conhecer o seu espaço.
    Obrigada também por sua visita.
    Abraços.

  3. O tempo foi tecido por nós e agora vivemos emaranhados nesta trama…

    Obrigada pela visita! Seja bem-vindo!

    Abraço!

  4. Ery Roberto disse:

    Ficamos contentes com tua adesão Gabriel. Foi bom vir aqui e encontrar este admirável Quintana, sempre um sábio.

    Grato por tua visita. Encontraremos mais vezes.
    Abraço.

  5. luzdeluma disse:

    Ótimo que tenha aderido à essa idéia. Não esquece que é todo dia 15 de cada mês. Este mês o tema ainda não foi escolhido.

    Estou lendo um livro “Melhores poemas de Mário Quintana” Seleção de Fausto Cunha e tem um poema que se refere ao tempo, veja:

    AH! OS RELÓGIOS (Mario Quintana)

    Amigos, não consultem os relógios
    quando um dia eu me for de vossas vidas
    em seus fúteis problemas tão perdidas
    que até parecem mais uns necrológios…

    Porque o tempo é uma invenção da morte:
    não o conhece a vida – a verdadeira –
    em que basta um momento de poesia
    para nos dar a eternidade inteira.

    Inteira, sim, porque essa vida eterna
    somente por si mesma é dividida:
    não cabe, a cada qual, uma porção.

    E os Anjos entreolham-se espantados
    quando alguém – ao voltar a si da vida –
    acaso lhes indaga que horas são…

    Uma graça ele!! Bom fim de semana!

    * Meu link tá errado (tudo bem)! :=)))

    Beijus

  6. Nossa! Obrigada, ainda hoje isto rende visitas. Bem disse o PL, que é para que nosso relacionamento aqui dentro cresça, e assim funciona mesmo. Tenho sempre procurado pessoas, ainda nao deu tempo de ir em todos, mas chegamos lá e outros chegam na gente. Muito legal! Terá um outro agora dia 9, vc deve entrar ta no meu blog, se quiser te mando o link do assunto, é sobre exclusão social… TOpas?
    Adorei seu tempo…
    Depois voltarei pra te ler melhor, bjus con

  7. Rosana Oshiro disse:

    Fazia tempo que passava aqui e não lia novidades, e deparo com poesias sobre o tempo.
    O tempo que tanto quero e o tempo que tanto perco…

    Que bom que voltaste!

    Abraço

  8. jugioli disse:

    Adorei o seu tema para o tempo.
    JU

  9. Olá amigo. Afinal há muitas formas de ver e descrever o tempo, o seu post é exemplo disso. Estas blogagens têm sempre uma enorme vantagem: o de encontrarmos pessoas com pontos de vista diferentes (ou até mesmo coincidentes) que acabam por complementar aquilo que conhecemos ou não. Gostei da sua abordagem. Um abraço.

  10. Lucas Pereira disse:

    Oi! =D

    Bonitas poesias. Quintana foi um gênio! Adoro ele. Mas pra mim, o tempo é um inimigo, mas o relógio (objeto) é um amigo. Eu quero fazer tudo, porque eu sou apaixonado por tudo… Por isso o relógio me ajuda. Eu amo o meu trabalho, e as vezes perco a noção do tempo. Amo meus projetos, minha família, meus amigos. E preciso me organizar pra conseguir o melhor tempo pra todos. Porque não terei várias vidas pra isso.

    Talvez eu seja o cara que consiga ver o lado bom das coisas que todo mundo acha ruim. =D

    Eu só sei que, desde que me organizei (com o tempo), até tenho tido tempo pra fazer coisas que eu achava que não tinham espaço na minha vida: como exercícios, e algo parecido com o que tu fez: uma comunidade (sem o hippie)-geek, em um sítio aqui no RS.

    Estamos construindo aos poucos, e da maneira mais sustentável possível.

    Agora que o relógio é meu amigo, descobri tempo para aprender coisas novas. E me divirto até levantando uma parede. Antes, eu só trabalhava. =S

    Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assinar por email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações na sua caixa de entrada.

 

Irradiando Luz é sustentado por seus leitores

Doe Irradiando Luz
Ajude a manter o Irradiando Luz.

Com apenas R$ 1, você já pode apoiar o nosso portal a continuar existindo e espalhando boas notícias e dicas práticas sobre ecovilas e a transição pessoal e global.

Categorias

Arquivo do Blog