Curta Irradiando Luz no Facebook  Siga Irradiando Luz no Twitter  Acesse o canal do Irradiando Luz no YouTube  Assine o Feed RSS do Irradiando Luz

Sutra da Grinalda de Flores

O budismo no Japão passou a produzir idéias genuinamente nativas durante o período Nara (710-794 d.C.). Nesta época o jovem Sudhana partiu em peregrinação e encontrou 53 grandes mestres, alguns deles homens e mulheres viventes, enquanto outros eram Budas de meditação. O ensinamento que ele trouxe de sua viagem foi o Sutra da Grinalda de Flores (Avatamsaka em sânscrito; Kegon, em japonês).
Este ensinamento é comum a todas as seitas budistas do Japão. O que ele representa é uma nova aplicação do ensinamento original do Buda, na chamada Doutrina do Mundo em Harmonia Total que se Relaciona e Interpenetra. Algumas das lições contidas neste Sutra são:

Teoria Profunda da Correlação, segundo a qual todas as coisas coexistem, surgindo simultaneamente. Elas coexistem, além do mais, não apenas com relação ao espaço, mas também ao tempo, pois passado, presente e futuro se incluem mutuamente. “Distintos como são e separados como parecem estar no tempo, todos os seres estão unidos formando uma entidade – do ponto de vista universal.”
Teoria Profunda da Liberdade Total, segundo a qual todos os seres, pequenos e grandes, comungam  entre si sem obstruções; de maneira que o poder de cada um participa do de todos e é, portanto, ilimitado. “Mesmo em um foi de cabelo há inúmeros leões de ouro.” Uma ação, por pequena que seja, inclui todas as ações.
Teoria Profunda da Complementaridade, segundo a qual tanto o oculto quanto o manifesto formam o todo pela consolidação mútua. “Se um está dentro o outro está fora, ou vice-versa.” Pela complementaridade eles constituem a unidade.
Teoria Profunda da Plenitude da Virtude Comum, segundo a qual um líder e seu seguidor, o comandante e seus comandados, trabalham juntos de modo harmônico e transparente, pois, “de acordo com o princípio um-em-todos-e-todos-em-um, eles realmente formam um todo completo”, permeando-se uns aos outros. Em outras palavras, Somos Todos UM.

Essas são algumas das maravilhosas lições do Sutra da Grinalda de Flores, cujo objetivo é o estabelecimento de uma totalidade harmoniosa de todos os seres, como uma grinalda em volta da natureza búdica de cada um.
E o sentido disso tudo está simultaneamente no corpo ativo e  na mente meditativa, de maneira que a prática da religião é a própria vida.

Referência: CAMPBELL, Joseph. As Máscaras de Deus – v. 2. Mitologia Oriental. São Paulo: Palas Athena, 1994. (p.376-379)
Fotos:  The Giant Buddha, por Andrew Muddie e Buddha Temple, por talavan.

2 Responses to “Sutra da Grinalda de Flores”


    internal_server_error <![CDATA[Erro &rsaquo; WordPress]]> 500