Curta Irradiando Luz no Facebook  Siga Irradiando Luz no Twitter  Acesse o canal do Irradiando Luz no YouTube  Assine o Feed RSS do Irradiando Luz

[Sustentabilidade] Fontes de energia limpas ou renováveis?

Combustiveis fosseis

Matriz Energética significa o modo como determinada sociedade ou país obtém sua energia, não apenas a elétrica, mas qualquer forma de energia produtiva, inclusive a que move a frota de veículos. Esse é na atualidade, um dos mais importantes assuntos para as discussões sobre o futuro da humanidade.

Indústrias, comércio, serviços, meios de comunicação, de transporte e até o acesso à água dependem de equipamentos movidos à energia elétrica e combustíveis fósseis, como o petróleo e o carvão mineral. As fontes de energia são divididas em renováveis e não-renováveis. As energias não-renováveis, além de serem finitas, são poluentes, já que emitem grandes quantidades de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera, causador de sérios problemas de saúde pública e ambientais, como o efeito estufa.

Um exemplo é o das usinas termoelétricas, que queimam combustíveis não renováveis (diesel, gás, urânio) para gerar energia elétrica e emitem gases poluentes na atmosfera. São fontes não-renováveis: o petróleo e seus derivados, gás natural, urânio e outras fontes de energia nuclear, além de carvão mineral.As energias renováveis são aquelas cujas fontes não se esgotam, ou seja, se renovam.

O sol, por exemplo, não irá deixar de brilhar se for aproveitado, bem como o vento pode ser usado por aero geradores sem que se reduza sua velocidade. São fontes renováveis a água, o sol, o vento e a biomassa.É importante ressaltar que nem todas as maneiras de aproveitar as fontes renováveis de energia são sustentáveis. Um exemplo disso é a energia das águas.

No Brasil, as condições naturais privilegiadas incentivaram instalação de hidroelétricas, responsáveis hoje por cerca de 75% da energia elétrica do país. As usinas hidroelétricas são fontes renováveis de energia, mas nem por isso são completamente limpas. Cada represa construída faz surgir grandes lagos que alagam vastos terrenos de mata virgem e contribuem para a destruição da biodiversidade, além de deixarem desabrigadas populações inteiras.

Biomassa

Biomassa

Menos poluentes e biodegradáveis, os biocombustíveis podem ser utilizados puros nos motores ou misturados com outros produtos inflamáveis.O tipo mais difundido de biocombustível no Brasil é o álcool proveniente da cana de açúcar. Mas os biocombustíveis podem também ser derivados de diversos vegetais, como dendê, girassol, babaçu, amendoim e soja, dentre outras.

É importante ressaltar que o biocombustível só é sustentável a partir do momento em que a produção do mesmo for feita de forma harmônica com o meio ambiente.

Atualmente, no Brasil, fala-se muito no álcool como um biocombustível sustentável. Mas como foi mencionado anteriormente, a produção de cana-de-açúcar no Brasil, em sua maioria, é feita de maneira completamente insustentável, pois além de ser uma monocultura degradante para o ecossistema, ainda é realizada com mão-de-obra semi-escrava, os chamados bóias-frias.

Além do mais, a queima de biocombustíveis ainda libera poluentes na atmosfera. Assim, apesar de ser uma fonte renovável, não chega a ser uma solução definitiva em termos de sustentabilidade, mas sim uma solução emergencial para um problema grave.

Energia Eólica

Energia Eólica

A energia dos ventos é abundante e está disponível em todos os lugares. Desde a antigüidade, as velas davam velocidade aos barcos, e o uso de cata-ventos para mover bombas d´água também não é uma novidade.

A partir da década de 70, no entanto, a evolução da tecnologia aeronáutica e a crise do petróleo fizeram com que o uso de grandes aero geradores para a produção em larga escala de energia elétrica se tornasse uma opção viável.

Em todo o Brasil, a faixa litorânea apresenta ventos muito adequados para o aproveitamento em larga escala da energia eólica. No entanto, o país estava situado em 10º lugar na lista dos países que utilizam-se desse tipo de energia.

A energia eólica está presente no Ceará, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais e Rio Grande do Norte.

Biodigestores

Biodigestores

Biodigestor é um tanque protegido do contato com o ar atmosférico, onde a matéria orgânica contida nos dejetos é metabolizada por bactérias anaeróbias (que se desenvolvem em ambiente sem oxigênio).

Neste processo, os subprodutos obtidos são o gás (Biogás), uma parte sólida que decanta no fundo do tanque (Biofertilizante), e uma parte líquida que pode ser usada como alimento para peixes.

O Biofertilizante apresenta alta qualidade para uso como fertilizante agrícola. O Biogás é um gás inflamável produzido por microorganismos que pode ser aproveitado em fogão doméstico, como combustível para motores de combustão interna ou até mesmo geração de energia elétrica.

A redução das necessidades de lenha poupa as matas. A produção de biogás representa um importante meio de estímulo à agricultura, promovendo a devolução de produtos vegetais ao solo e aumentando o volume e a qualidade de adubo orgânico.

Os excrementos fermentados aumentam o rendimento agrícola.O desenvolvimento de um programa de biogás também representa um recurso eficiente para tratar os excrementos e melhorar a higiene e o padrão sanitário do meio rural.

Os objetivos dos biodigestores podem variar de localidade para localidade, podem ser empregados na obtenção de combustível de alta qualidade para as áreas rurais, sendo, ao mesmo tempo, preservado o valor do efluente como adubo; podem visar atender ao duplo objetivo de produção de energia e de tratamento de dejetos, principalmente de animais em fazendas, o que possibilita o manuseio de um material sem odores.

O Brasil dispõe de condições climáticas favoráveis para explorar a imensa energia derivada dos dejetos animais e sobras de plantio, bem como dos resíduos sólidos orgânicos (lixo) das cidades.

Energia Solar

Energia Solar

O Sol é uma importante fonte de energia, pois a temos em praticamente todos lugares do planeta. Pode ser utilizado como:

  • Energia Elétrica: em um sistema composto de placas que absorvem radiação solar e a convertem em energia elétrica.
  • Aquecedor Solar: Essa é uma solução muito simples. Pode-se pegar uma caixa qualquer, ou até mesmo um pneu velho, colocar uma serpentina por dentro e coloca-lá exposta ao sol. Isso irá aquecer a água que passa pela serpentina, que poderá ser utilizada para banhos e torneiras da casa, por exemplo.
  • Forno Solar: Podemos utilizar uma caixa de papelão forrada com papel alumínio, com as bordas direcionadas ao sol. Então coloca-se uma panela e um vidro por cima. A temperatura pode passar dos 100ºC, dependendo da eficiência e vedação de seu forno.
Esta postagem faz parte do Blog Action Day 2009
Dia de Ação dos Blogues 2009 – “Mudanças Climáticas

GOSTOU? ACOMPANHE O IRRADIANDO LUZ DE PERTO

Assine nossa newsletter e receba as atualizações do blog no seu email.

Com apenas um clique você irradia luz à sua caixa de entrada!

9 Responses to “[Sustentabilidade] Fontes de energia limpas ou renováveis?”


    Erro › WordPress

    O site está passando por dificuldades técnicas.